Tibagi completa 152 anos em seu maior ciclo de investimentos da história


O município de Tibagi completa, nesta segunda-feira (18), 152 anos de emancipação política. Tibagi teve origem do município de castro, através da lei número 302 do dia 18 de março de 1872. A então freguesia foi elevada à categoria de vila.

 

A cidade dos diamantes de outrora, graças ao importante ciclo do garimpo, hoje é a cidade da agricultura e do turismo. Septuagésima cidade mais rica do agronegócio no Brasil. Tibagi é o maior produtor de trigo do Brasil maior produtor de grãos e de soja do paraná. Tibagi também é mais turismo! Possui o sexto maior cânion do mundo, e diversas belezas naturais. Tibagi é a cidade das águas e do rio que dá o nome ao nosso município.

 

Em mais um ano de vida, Tibagi vive o seu maior ciclo de investimentos da história. Com a presença do governador Ratinho Júnior, o prefeito Artur Butina inaugurou cinco obras na última semana. Mas é muito mais do que isso. São quase R$ 50 milhões em investimentos no município.

 

Somente na educação são três novas escolas e um investimento de R$ 8,5 milhões. Em pavimentação são quase R$ 7 milhões, com destaque para a avenida João Talevi, em Caetano Mendes, perto de ser concluída. Quase R$ 5 milhões na saúde com emendas do Fundo Nacional de Saúde, ampliação da UBS São Bento e reforma nas UBS Caetano Mendes, 18 de Março e Clínica da Mulher, além dos novos centros de fisioterapia na sede e nos distritos.

 

Duas outras importantes obras devem ter início ainda este ano. A construção das 100 novas casas no bairro São José, através do Programa Minha Casa, Minha Vida. E também o Parque Linear da Santa Paula, para resolver de vez o problema do “valetão” que se arrasta há muitos anos.

 

Texto e fotos: Assessoria de Comunicação Prefeitura de Tibagi

Galeria de fotos



Source link

Compartilhe: