Paraná tem mais 38 mortes por dengue em 1 semana; são mais de 500 neste período epidemiológico

Por Redação.
Publicado em 03/07/2024 às 06:38.

Paraná tem mais 38 mortes por dengue em 1 semana; são mais de 500 neste período epidemiológico

Assaí entra para seleta lista de cidades mais inteligentes do mundo

Justiça Federal de Curitiba terá que explicar grampo em cela de réu pela Lava Jato

Com Marinna Prota

O Paraná registrou 20.848 novos casos de dengue e 38 mortes, conforme o boletim semanal publicado nesta terça-feira (2) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). O Estado acumula 511 óbitos, 547.351 casos confirmados e quase 900 mil notificações no atual período epidemiológico, iniciado em 30 de julho de 2023.

As cidades com mais casos são Londrina, com 37.356, seguida por Cascavel 31 mil e Maringá com 22 mil. A maior parte das mortes aconteceu em Cascavel, Londrina, Toledo,  Apucarana e Rolândia.

///

A cidade de Assaí, no norte paranaense, é destaque nacional e internacional no âmbito da inovação. Com uma população de 13.797 habitantes, segundo o IBGE, o município já havia sido eleito em 2024 como uma das 21 comunidades mais inteligentes do mundo pelo ranking Smart21 do Fórum de Comunidades Inteligentes do Canadá (IFC), ao lado de Curitiba e Ponta Grossa.

Agora a cidade atendeu cerca de 126 indicadores para entrar na lista das sete comunidades mais inteligentes do mundo junto com a capital e cidades dos EUA, Canadá e Taiwan. Em novembro, o vencedor será definido no Smart Cities Awards, principal evento do setor, realizado anualmente em Barcelona, na Espanha.

///

A 13ª Vara Federal de Curitiba terá de explicar ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) porque havia um grampo telefônico na cela do doleiro Alberto Youssef, no início da Operação Lava Jato. A intimação foi despachada pelo corregedor nacional de Justiça, Luis Felipe Salomão. O juizado tem 15 dias para explicar o dispositivo, e porque estava ativo. A investigação é tocada pela Polícia Federal, no gabinete do ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Compartilhe: