Suspeito de matar esposa em PG se envolve em colisão na rodovia e morre

O homem apontado como suspeito da morte de Jaine Kochanski, 27 anos, em Ponta Grossa, na madrugada desta sexta-feira (5), morreu no início da tarde. Segundo apurou a reportagem do portal DCmais junto à Polícia Militar, o vendedor Luiz Cezar Batista Valter*, 31 anos, esposo de Jaine, se envolveu numa colisão frontal na Rodovia Transbrasiliana (BR-153), em Tibagi, nos Campos Gerais.

Valter trafegava pela estrada num trecho de reta, a cerca de um quilômetro do acesso à BR-376, quando teria “jogado” o Honda City que dirigia contra um caminhão que viajava no sentido contrário. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a batida foi por volta de 13h30 desta sexta, no quilômetro 212 da rodovia. O caminhoneiro envolvido na colisão não se feriu. Ele transportava um trator.

Foto: Divulgação PRF

De acordo com a PRF, houve interdição total da via e desde as 15h30 o fluxo segue no sistema pare e siga. O corpo será encaminhado ao IML de Ponta Grossa. A Defesa Civil de Tibagi também foi acionada para atender a ocorrência.

A reportagem apurou que Valter deixou uma mensagem numa rede social, falando sobre os dois filhos. Veja alguns trechos:

“Tínhamos uma família linda […] Mas realmente eu fiz algo irreparável […] Nunca mais terá como consertar na vida de vocês e eu não conseguiria viver com isso”.

Foto: Divulgação PRF

*Matéria atualizada às 16h52

Participe do grupo e receba as principais notícias da sua região na palma da sua mão.


Compartilhe: